Pesquisa aponta que marcas com maior crescimento anual são as que mostram propósito através de ações

Ter um propósito claro é importante para diferenciar a empresa dos concorrentes


Muitas pessoas abrem um negócio, mas esquecem da parte estratégica da marca. Por mais que a sua empresa seja ótima no que faz, mostrar aos clientes que há propósito e valores por trás do que é feito é uma boa ideia para se obter resultados ainda melhores. Dados de uma pesquisa realizada pela Delloite “Global Marketing Trends”, em 2022, mostrou exatamente isso


O propósito de uma empresa vai além de oferecer um ambiente saudável para os colaboradores ou um produto com bom preço e de qualidade. O propósito está relacionado à essência da marca, por exemplo, o que faz com que os envolvidos na empresa se motivem e se inspirem a continuar ali.


A pesquisa da Delloite revelou o que as marcas de alto crescimento, que são aquelas com 10% ou mais de crescimento anual, têm em comum. De acordo com o estudo, essas empresas estão traduzindo propósito em cada ação para se diferenciarem dos concorrentes. Os dados apontam que marcas de alto crescimento têm 66% mais chances de ver o propósito como meio de orientar a tomada de decisões dos funcionários e 41% mais propensos a direcionar a estratégia de investimento em responsabilidade social corporativa.


“As empresas estão buscando se adaptar a realidade de uma visão mais ampla, então o quesito ambiental, social e de governança é o foco de muitas empresas no atual momento. O propósito acaba tendo que estar atrelado a essas práticas também, pois se o mesmo não condiz com tais práticas que estão sendo adotadas, ambos podem não ser considerados legítimos pelas pessoas e a empresa pode ser descredibilizada por isso”, afirma Diego Cidade, CEO e fundador da Academia do Universitário, especialista em Geração Z e demandas do mercado de trabalho.


Para criar o propósito e o posicionamento, é preciso analisar os aspectos e frentes em que a empresa impacta. O resultado dessa análise precisar estar vinculado a questões com as quais as pessoas realmente se importam, como, por exemplo, boas práticas ambientais, sociais e de governança.

3 visualizações0 comentário