Os tesouros da Borgonha

Uberlândia será palco de uma especialização exclusiva nos vinhos da Bourgogne.


Por Wallace Neves

Fotos Divulgação


A Borgonha, ou Bourgogne, está localizada no canto oriental da França, entre as cidades de Dijon e Lyon, aproximadamente duas horas de Paris. Essa famosa região é dividida em cinco sub-regiões: Chablis, Côte de Nuits, Côte de Beaune, Côte de Chalonnaise e Mâconnais. Quando estive na região, além de provar vinhos sublimes, descobri que o que diferencia os estilos de vinhos não é somente a extensão de 225 km de distância entre Chablis e Mâconnais, mas sim 45 milhões de anos de história geológica. Os solos da região, predominantemente calcáreos, começaram a surgir há 195 milhões de anos.


Segundo a opinião de muitos produtores, o solo é um dos principais fatores pela qualidade de suas uvas e posteriormente seus vinhos. Ao contrário de muitas regiões francesas, onde os vinhos são produzidos por assemblagem ou blend, a Bourgogne se mantém fiel, quase exclusivamente a duas castas: Pinot Noir e Chardonnay, embora podemos encontrar outras variedades pouco conhecidas do grande público. É aqui nessa estreita região onde encontramos alguns dos vinhos mais raros e caros do mundo. Quem nunca ouviu falar do lendário Romanée Conti? Um vinho que provém de um vinhedo de apenas 1,81 hectare. Seu preço médio está entre US$13.000 a US$53.151. Uma outra preciosidade é o branco Montrachet Grand Cru. Um vinhedo de oito hectares de Chardonnay que é extremamente cultuado.


Tive a oportunidade de degustar um Montrachet Grand Cru do Domaine Leflaive que foi uma das maiores experiências da minha vida. É obvio que a Bourgogne não se destaca somente pelos dois vinhos mencionados acima. Poderia sugerir dezenas de vinhos dessa pitoresca região. Mas seria assunto para escrever um livro. E você? Gostaria de se tornar um especialista em vinhos da Borgonha? Pela primeira vez, Uberlândia se tornará palco de uma especialização exclusiva nos vinhos da Bourgogne. Wallace Neves, sommelier profissional e educador certificado pelo Bureau Interprofecionnel du Vins de Bougogne, conduzirá essa formação no dia 25 de agosto de 2021. O participante irá compreender a história, as principais uvas, os famosos climats, elaboração de todos os estilos de vinhos aqui produzidos, e degustar quatro grandes rótulos entre brancos e tintos. Para finalizar, uma harmonização com o prato mais emblemático da Borgonha: o boeuf bourguignon.


Wallace Neves é sommelier e embaixador dos vinhos da Borgonha pelo Bureau Interprofessional du Vin de Bourgogne.

Mais informações pelos telefones: (21) 98499-6628 ou (34) 3257-5826. Santé!

4 visualizações0 comentário