Onde está o focoda sua lanterna?

“É com o foco de luz iluminando a nós mesmos que encontraremos o amor e a verdadeira felicidade”

Publi Editorial

Foto Divulgação

Tatiane Medeiros é Psicóloga, Pós-Graduada em Análise Transacional, Hipnoterapeuta Ericksoniana e Consteladora Familiar.


Vivemos em busca do amor, da felicidade e do bem-estar...

Comparo essa busca com um longo caminho...

Caminho de crescimento, evolução, transformação e autoconhecimento...

Um caminhar constante com estradas muitas vezes escuras...

Acredito que cada pessoa tem em mãos uma lanterna, um instrumento para iluminar esse caminho...

Vivemos numa sociedade onde somos educados e treinados para segurar a lanterna nas mãos e iluminar o que vem à frente...

As pessoas, os lugares, as conquistas, o emprego, a casa, o carro, os bens materiais...

E como é a luz que nos permite enxergar...

Só conseguimos ver o que está fora de nós, o que está sendo iluminado...

E é onde iluminamos que buscamos a felicidade e o amor.

Nos amigos, nas festas, nas conquistas, no namorado, esposo, filhos... tudo externo a nós...

E mesmo conquistando tudo o que desejamos, continuamos a procurar...

Até que um dia cansado, e sem esperança...

Já adoecidos, sem energia, e desacreditados na existência da felicidade e do verdadeiro amor...

Viramos a lanterna para nós...

Com o foco de luz a nos iluminar, nos deparamos com coisas boas e outras nem tão boas assim...

Sentimos raiva, tristeza, MEDO... alegria... uma mistura de sentimentos...

Com o tempo aprendemos a nos aceitar...

Com a aceitação encontramos o verdadeiro amor...

O amor próprio...

E é só com muito amor próprio que encontramos verdadeiramente o outro...

E no encontro com o outro é que conseguimos mudar o que não nos agrada...

É com o foco de luz iluminando a nós mesmos que encontraremos o amor e a verdadeira felicidade.

Onde está o foco da sua lanterna?


34 99211-6536 (WhatsApp) | 34 8811-7164

@tatianemedeirospsicologa (Instagram)

Tatiane Medeiros psicóloga (YouTube)

taty.cunha@gmail.com

4 visualizações0 comentário