Minas mantém ações de apoio a produtores prejudicados pelas chuvas

Mapeamento de prejuízos e orientações para reduzir impactos sobre a produção têm sido prioridade.

Foto: banco de imagem


Com as chuvas no estado de Minas Gerais, que atrapalha os trabalhos no campo, as equipes da Emater-MG continuam a percorrer as propriedades rurais para prestar ajuda aos produtores que tiveram perdas devido às tempestades. Um dos municípios bastante afetados, São Joaquim de Bicas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, registra muitos agricultores que tiveram grandes prejuízos nas lavouras, especialmente os que atuam no cultivo de hortaliças.


Coordenador regional de Horticultura da Emater-MG, Wagner Fani conta que alguns municípios do entorno de Bicas também enfrentam situação semelhante. “A gente tem procurado acompanhar o agricultor, juntamente com as secretarias municipais de Agricultura e de Meio Ambiente, tentando levantar as possíveis perdas, principalmente de de hortaliças, que mais sofreram com as chuvas intensas", diz


Além do levantamento de perdas, os extensionistas da Emater-MG estão orientando produtores sobre o plantio em nível para ajudar no carreamento das águas e ensinando sobre a importância de manter o solo coberto para evitar erosões e o deslocamento de terra.


Outra iniciativa importante dos profissionais da empresa pública de extensão rural tem sido a orientação sobre acesso ao crédito rural, que pode auxiliar agricultores a se manterem até que a produção seja regularizada e a recuperar as lavouras atingidas.


Os profissionais da Emater-MG fizeram, ainda, mais de cem projetos técnicos para produtores rurais, visando à captação de recursos de cerca de R$ 9 milhões, além da elaboração de laudos técnicos individuais gratuitos para a agricultura familiar e o apoio aos municípios e aos mais de 40 mil agricultores familiares inscritos no Garantia-Safra.


O programa federal recebe aporte financeiro do Governo de Minas para a concessão de benefício financeiro em caso de perda da safra devido à estiagem ou excesso de chuvas. Em resposta às demandas surgidas com as fortes chuvas, o Estado lançou o programa Recupera Minas com destinação de R$ 603 milhões em recursos estaduais para ações de infraestrutura e suporte a pessoas e cidades afetadas.


Fonte: Agência Minas Gerais

2 visualizações0 comentário