Epamig anuncia que irá produzir vinhos Syrah Gran Reserva

Antes de ser comercializada, bebida ficará armazenada por 12 meses em barricas fabricadas com carvalho francês.

Foto: Lucas Amaral / Epamig


A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) irá produzir vinhos Syrah da categoria Gran Reserva, linha inédita de produtos. A decisão foi tomada após a equipe do Campo Experimental de Caldas, no Sul do estado, constatar que a safra de uvas colhida em agosto de 2021 possuía características e qualidades superiores para originar vinhos mais elaborados.


De acordo com a legislação brasileira, para ser enquadrado na categoria Gran Reserva o vinho precisa envelhecer por pelo menos 18 meses. Nesse período, é obrigatória a utilização de recipientes de madeira por, no mínimo, seis meses antes de engarrafar e comercializar a bebida. Em grande parte das vinícolas brasileiras, os vinhos Gran Reserva são deixados por cerca de 12 meses em barricas de madeira.


Essa é a primeira vez que a Epamig vai lançar um vinho Gran Reserva no promissor mercado mineiro. Segundo o enólogo da empresa, Lucas Amaral, a colheita de 2021 no vinhedo institucional bateu a marca de 3,7 mil quilos de uva, com destaque para os excelentes índices de açúcares, acidez, pH e polifenóis.


O produto estará disponível para comercialização no próximo ano. Feitos no Campo Experimental de Caldas, os vinhos Syrah da Epamig são produzidos com uvas plantadas em regime de dupla poda no município de São Sebastião do Paraíso, também no Sul do estado. A empresa é uma vinculada à Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (Seapa).


Fonte: Agência Minas Gerais

2 visualizações0 comentário