Empresários da indústria alimentícia brasileira enxergam potencial em mercado árabe

Através da Expo Dubai, o estado de Minas Gerais busca crescimento em exportações de produtos alimentícios.

Humberto Noronha ao lado direito do Governador Romeu Zema. | Foto: Itatiaia


Em entrevista a Rádio Itatiaia, Humberto Noronha, presidente da Adicel e do FIEMG Jovem, falou sobre a oportunidade que viu em Dubai do Brasil se tornar um grande exportador de produtos. "Aqui nos Emirados Árabes, 80% dos alimentos são importados, por isso a região é um mercado com grande potencial de consumir produtos brasileiros,” diz Noronha.


Como oportunidade da indústria brasileira estar presente em outros mercados, o presidente afirma que foi a Dubai para oferecer novos produtos, a fim de começar novas parcerias.


A FIEMG, que é uma federação de Sindicatos da Indústria, trouxe para esta edição da Expo Dubai, a maior delegação da história, que representa 60% da delegação brasileira. Novas indústrias, em busca de oportunidades como esta, também podem se juntar à federação. As inscrições para o FIEMG Jovem, grupo de desenvolvimento de lideranças, estão abertas. Clique aqui e saiba mais.




2 visualizações0 comentário