Demanda por materiais esportivos movimenta e-commerce em Minas Gerais

Com o avanço da vacinação, houve o aumento da procura desses produtos que resultaram em mais faturamento e geração de empregos no setor.

Foto: jornal do comercio


De acordo com o diretor de Atração de Investimento do Indi, Adriano Carvalho, Minas Gerais está próximo dos grandes centros consumidores e possui maior malha viária do país. Com o avanço da vacinação, a procura por materiais esportivos aumentaram, e a alta demanda desses produtos puderam acarretar aumento do faturamento das indústrias e lojas de e-commerce, além da geração de empregos.


A maior parte das empresas instaladas ou que expanderam recentemente no estado, tiveram apoio do Indi (Agêndia de Promoção de Investimentos e Comércio Exterior de Minas Gerais).


Marcas mundiais como Nike, Mizuno e Under Armour, e nacionais, como Olympikus e Centauro, possuem centros de distribuição em Minas Gerais. Somente na cidade de Extrema, há mais de 150 empresas do setor de e-commerce instaladas, responsáveis por movimentar o equivalente a 25% do volume do setor no país.



Fonte: Jornal de Uberaba

1 visualização0 comentário