top of page

ACABOU A GRANA ? É mais rentável aplicar no sistema financeiro do que se montar um negócio

Por Cezar Honório

Fotos Divulgação

O Brasil, a exemplo do restante do planeta, vive uma nova fase econômica com impactos importantes para todas as cadeias de valor. Depois de anos de crédito fácil e barato, especialmente nos Estados Unidos e Europa, entramos em um período inverso com a elevação das taxas de juros mundo a fora para conter a pressão inflacionária. Mas o que este fato amplamente divulgado tem a ver com a sua vida?


Para resumir, hoje é mais rentável aplicar no sistema financeiro do que correr risco montando um negócio, por exemplo. Consequentemente, menos emprego, renda e, claro, menos dinheiro circulando. Resultado: economia estagnada ou em decréscimo. No caso do Brasil, ainda precisamos computar o fato de que surfamos por pouquíssimo tempo na onda do crédito fácil e barato. Aliás, barato. Fácil nunca foi.


Enfim, seria o fim da linha especialmente para os países em desenvolvimento como o nosso? Claro que não. Ao contrário. Podemos estar entrando em um período de excelentes oportunidades para quem tiver a ousadia de acreditar neste futuro em ebulição. Para isso, no entanto, é necessário olhar em outras direções.


Se o boom das startups chegou ao fim, os recursos para ideias realmente inovadoras ainda estão disponíveis. Claro que agora as mentes criativas do universo da tecnologia terão que caprichar mais no dever de casa. Terão que aprender com a velha guarda a serem mais estruturados nas finanças e assertivos na gestão das equipes que serão bem mais enxutas.


Para os segmentos tradicionais, será necessário ir além da óbvia busca pela “eficiência operacional” (leia-se demissões e aperto aos fornecedores). O verdadeiro desafio será manter princípios e valores da organização e time motivado em tempos de aperto. Caso contrário, ficará para trás quando o trem da economia voltar à velocidade da luz.


Sim, é hora de recalcular mas sem parar no acostamento. Como sempre, as oportunidades aparecerão para quem ousa com responsabilidade e, principalmente, visão de futuro. A ótima notícia é que, no contexto mundial, o Brasil apresenta uma série de vantagens competitivas. Entre elas, mercado interno robusto (apesar da desigualdade social), sistema financeiro sólido, riquezas naturais imensuráveis, etc. Quem duvida, vai comer poeira.


  • Cezar Honório Teixeira Jornalista e consultor em gestão da influência www.czgestaodainfluencia.com.br

9 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page